Estratégias de negociação de opções de alta probabilidade

[OPÇÕES] O guia definitivo (de como perder dinheiro) PARTE II

[OPÇÕES] O guia definitivo (de como perder dinheiro) PARTE II
Salve cambada. Antes de continuar, vlw pelo ouro. Não sei como usar, se alguém souber me avisa pf. Continuando, se você não viu o post passado: https://www.reddit.com/farialimabets/comments/i5gcjf/op%C3%A7%C3%B5es_o_guia_definitivo_de_como_perder_dinheiro/

PARTE I
  1. O que são opções
  2. Calls e Puts
  3. Como são precificadas
  4. As Gregas
PARTE II
  1. Como perder dinheiro
    1. Long call
      1. DITM
      2. OTM
    2. Long put
      1. DITM
      2. OTM
PARTE III
  1. Travas
    1. Trava de Alta (calls e puts)
    2. Trava de Baixa (calls e puts)
  2. Borboleta
    1. Long
    2. Short
  3. Condor
    1. Long
    2. Short
PARTE IV
  1. Como perder dinheiro pra krl
    1. Short call
      1. DITM
      2. DOTM
    2. Short put
PARTE V
  1. Como ganhar dinheiro (???)

Ao apresentar as estratégias, vou tentar descrever o efeito das gregas sobre a posição e como usar essa informação pra fingir que entende o que está fazendo e perder dinheiro mesmo assim.

Como perder dinheiro

Independente da estratégia que você seguir, perder dinheiro é quase certo. Mas existe uma linha tênue entre perder dinheiro e perder dinheiro pra krl, que é: na primeira sua perda está limitada ao quanto você colocou. Na segunda, seu prejuízo máximo é ilimitado.
Sempre que você compra uma opção, seu preju está limitado ao quanto você pagou de prêmio pela opção. Lembrando que ao comprar uma opção, você está comprando um direito e não uma obrigação.

Estratégia long call:
Como o próprio nome diz, a estratégia consiste em comprar opções de compra. Quando fazer isso? Você está apostando que o ativo subjacente irá subir. Qual strike escolher? Depende. Vamos lá.
Se você acredita que o ativo irá subir mas não sabe quando, é legal comprar uma call DITM. Por mais que pareça, não é uma nova sigla LBGT. DITM significa deep in the money, ou seja, uma opção com strike bem abaixo do valor da ação.
Ao comprar calls DITM, sua posição prática é long ativo. A vantagem é que seu desembolso de capital será bem menor. Exemplo: temos o ativo FLBE3 (FariaLima Bets) com preço spot de 20 reais. Podemos comprar um lote por 20, totalizando um custo de 2000 reais. Ou, podemos comprar uma opção de compra com strike 10, por 11 reais. Totalizando 1100.
Primeiro, vamos entender: Ao comprar uma opção com strike 10 por 11 reais, você está comprando o direito de comprar FLBE3 por 10 reais e pagando 11 por isso. Ou seja, se você exercesse a opção, seu custo seria de 2100. De onde vem esse 1?
O preço de uma opção ITM é composto de duas parcelas, o valor intrínseco e o valor extrínseco. O primeiro nada mais é do que a diferença entre o preço spot do ativo e strike da opção. O valor extrínseco é a diferença entre o preço da opção e seu valor intrínseco. Nesse exemplo, o valor intrínseco seria 10 e o valor extrínseco 1.
Por ser uma opção DITM, seu delta (expliquei na PARTE I) vai ser muito próximo de 1. O que significa? Para cada 1 real que FLBE3 sobe, nossa opção irá subir 1 real também. Se tívessemos comprado FLBE3, teríamos ganho 1/20 = 5%. com a opção ganhamos 1/11 = 9%. Está ai o sua vantagem. Mas e seu eu errar a direção? Se fudeu. A alavancagem é pra cima e pra baixo kkkk. Mas a probabilidade de você perder 100% é baixo.
https://preview.redd.it/stdnpkx8pmf51.png?width=751&format=png&auto=webp&s=70cf556561cdf9a4e5d04d9dba53d091dac95677
Como o valor intrínseco tem um valor em % pequeno, o tempo não come nosso cu com areia, ele passa vaselina, o que é um ponto bom. A IV da opção é interessante. Se subir depois que você comprou, parabéns. Se cair, parte do valor intrínseco já era...
Podemos comprar calls OTM, out of the money. Qual a vantagem? O principal fator é que é barato e se você acerta, o ganho % eh grande. Já explico. FLBE3 sendo negociado a 20 reais. Você compra uma call com strike 21. A opção está fora do dinheiro, e está custando 0.5 reais (note que seu valor intrínseco é 0). Se FLBE3 sobe 10% e vai pra 22, sua opção entra no dinheiro e passa a valer 1.20. Você ganhou 140%, parabéns.
https://preview.redd.it/wuip9n0nomf51.png?width=716&format=png&auto=webp&s=f9518e7d478b048599b949573d770148c17c7af7
Quais os riscos? A ação cair ou ficar parada. Se chegar no vencimento e a ação estiver abaixo de 21, se fudeu. Perdeu 100% do investido. Faz parte kkkk.

Long put:
Sinceramente, soh gay bear compra put. Mas como eu não discrimino ngm, vou explicar pra vcs. Você compra puts quando está apostando na queda do ativo. Como ganhar dinheiro com isso? Quando o ativo cai ué.
Não vou me estender muito aqui, porque o racional é basicamente igual ao das calls, exceto que sua posição efetiva agora é short ativo. Seu delta é negativo, ou seja, quando o preço da ação sobe, o valor da sua put diminui. Theta continua comendo pra kct.
DITM put
OTM put
Nos próximos posts (se existirem) vou falar sobre estratégias mais avançadas, compostas de duas ou mais opções na montagem.
submitted by inv3stbr to farialimabets [link] [comments]

(23/03/2020) Principais médicos se juntam à chamada de Pennacchio para usar a hidroxicloroquina para combater a disseminação do COVID-19

Um recente estudo francês de revisão por pares do renomado especialista em doenças infecciosas Dr. Didier Raoult, publicado no International Journal of Antimicrobial Agents, mostrou resultados promissores no tratamento de COVID-19 com hidroxicloroquina (HCQ).
O estudo francês também mostrou uma diminuição significativa no "derramamento viral" dos pacientes tratados com HCQ. Quanto menor o derramamento, menor a probabilidade de o vírus ser comunicado a outros indivíduos.
Como a profissão médica avalia diferentes opções de tratamento, as autoridades de saúde pública devem adotar medidas de tratamento precoce com as ferramentas existentes à nossa disposição. O HCQ é um medicamento barato e seguro, usado no tratamento da malária há setenta anos.
Sem vacina ou antiviral, o HCQ é o principal candidato ao tratamento precoce contra o vírus COVID-19. Esta foi a conclusão de um artigo médico recente escrito pelo Dr. Raymond Chang, cujas afiliações incluem o Institute of East-West Medicine em Nova York e o National Taiwan University Hospital em Taiwan.
O HCQ tem a capacidade de impedir que o vírus entre na célula, bem como impedir a replicação do vírus. O HCQ tem o fator único de poder acumular altas concentrações nos pulmões (especificamente onde é necessário). O que também é atraente é a longa duração (meia-vida de 22 dias) do HCQ no corpo. Esses fatores tornam promissor o tratamento precoce se ingeridos dias antes da introdução do vírus.
https://www.insidernj.com/press-release/top-doctors-join-pennacchios-call-use-hydroxychloroquine-combat-spread-covid-19 (com informações de https://www.dailywire.com/news/over-65-doctors-medical-professionals-and-scientists-call-for-government-to-use-hydroxychloroquine-to-fight-coronavirus)
submitted by Bubbly-Incident to brasilivre [link] [comments]

Ganhar Seguidores Instagram GRÁTIS: A receita de sucesso

Ganhar Seguidores Instagram GRÁTIS: A receita de sucesso

https://preview.redd.it/h8knwhub0x731.jpg?width=724&format=pjpg&auto=webp&s=e98446329c417b1ba79122b57c23ef96df01a9fb
A receita para o sucesso que todo o influencer tenta encontrar está aqui neste post.
Confira as estratégias para ganhar seguidores Instagram grátis e faça do seu perfil um êxito.
O Instagram é nos dias de hoje uma das redes sociais com maior autoridade na Internet e são várias as empresas e mais ainda os influencer que tudo fazem para ganhar curtidas e comentários no Instagram.
Obviamente, se está a ler este post é porque tem umas noções de como funciona esta rede social, certo?
A par disso, esta rede social cresceu de um modo impressionante na última década, nunca é demais mencionar que o Instagram tem mais de 800 milhões de usuários ativos, superando assim várias redes sociais conhecidas.
Ou seja,é uma oportunidade enorme para qualquer utilizador que pretenda ganhar sucesso rapidamente.
Portanto, é fundamental saber como comunicar com os seguidores.
Antes disso, é obvio que tem de saber como conseguir seguidores no Instagram e também como os fazer sentir-se conectados com as suas fotos.
Assim, foi a ponderar que a Convergente Agência de Marketing Digital desenvolveu esta publicação para lhe ensinar como ganhar seguidores no Instagram grátis.
Continue a ler para aprender a receita do sucesso com técnicas de Social Media Marketing que ninguém lhe explicou até agora.

O que é o Instagram?

Se é o seu primeiro contacto com este assunto, vamos aproveitar para explicar resumidamente sobre o que é o Instagram e o seu percurso.
O Instagram resumidamente é um aplicativo de uma rede social para telefone. Esta permite aos utilizadores compartilharem as suas fotos e vídeos com amigos e família.
https://preview.redd.it/5202lobyzw731.jpg?width=724&format=pjpg&auto=webp&s=6c0131903a85a323ec1d2ef57ec08304711662b0
Esta app é grátis, ou seja, pode baixar sem custos nas lojas de aplicativos habituais – Google Play ou Apple Itunes Com orgulho afirmam que pode ser utilizada em vários modelos de telemóvel desde os modernos aos antigos.
A história desta rede social passa pela vida de dois jovens Kevin Systrom e Mike Krieger os criadores, ambos graduados na Universidade de Stanford.
O Facebook, a gigante rede social de Mark Zuckerberg comprou o Instagram ainda quando esta tinha apenas 200 milhões de usuários em 2012.
Tem como premissa o compartilhamento de imagens, no entanto a sua popularidade vem da funcionalidade de edição de fotografias. Isto, porque uma vez que o usuário tira uma fotografia, o Instagram concede uma quantidade de filtros e edições consideráveis – um dos exemplos mais simples, é poder transformar as suas fotografias como se tivesse utilizado uma Polaroid antiquada.
Este fantástico aplicativo permite a criação de perfis pessoais e empresariais, e permite ser conectado a outras redes sociais, como o Facebook e Twitter, tendo como resultado o compartilhamento das suas fotografias em outras plataformas à distância de um clique.

Ganhar comentários no Instagram

Sabia que o Instagram já não tem o feed de notícias cronologicamente organizado. As imagens agora são organizadas com base no engajamento.
Pois bem, se os seus posts tiverem mais comentários e gostos, garantidamente vão aparecer na zona de maior alcance visual. Obviamente esta ação irá aumentar ainda mais esse envolvimento criando a dita sintonia com os usuários e seguidores.
Ao ganhar comentários no Instagram também indica que a sua estratégia é eficiente nas redes sociais. Isto, porque há algo comum a todas, o seu fundamento é criar envolvimento e isto inclui gostos, partilhas, repins, retweets, etc.
É incrível como um clique significa tanto.
Mas quando o assunto é comentário, aí requer um pouco mais de trabalho, planeamento e investir tempo. Assim, se está a receber mais comentários, isso demonstra que os seus seguidores adoram o seu conteúdo.
Portanto, vou mostrar-lhe as várias técnicas que pode utilizar para ganhar comentários no Instagram

1. Pedir comentários na legenda

Utilizar os call-to-action ou chamadas à ação, estas tiveram de certo modo um resultado positivo nas atualizações das redes sociais. Alias, descobriram que tweets com as palavras “Please ReTweet” e “Please Follow” têm mais conversão do que quando não as utilizam.
Por sua vez, as publicações do Facebook que contêm a palavra “Goste” têm como resultado mais gostos do que aquelas que não utilizam.
E assim, aquelas publicações que têm a palavra “comente” também acabam por ter mais comentários que as que não têm.
Conclusão, se quiser obter resultados semelhantes no Instagram, pode adicionar na sua legenda algo como “quero saber a sua opinião”, “deixe o seu comentário”. Se prefere não pedir diretamente, pode colocar algumas questões de vez em quando.
Deixo um exemplo de uma publicação onde a marca @mcdonaldsportugal não pede diretamente aos utilizadores, mas optou por colocar uma questão simplificando a resposta com duas escolhas. Como resultado, ajudou a publicação a obter um maior número de comentários como pode verificar.
https://www.instagram.com/p/BuV8OfCA1Hj/?utm\_source=ig\_web\_button\_share\_sheet

2. Fazer perguntas com a sobreposição de texto

Se pretende obter mais respostas às suas perguntas, pode utilizar texto sobreposto à sua imagem invés de escrever na descrição.
Lembre-se o Instragram é uma rede social que funciona fundamentalmente à base do sentido visual. Os usuários utilizam esta mídia social para visualizar imagens bonitas e atraentes. Confira a publicação que damos como exemplo, a imagem ocupa a maior parte do espaço disponível, enquanto a descrição apenas ocupa uma fracção.
Assim sendo, se quiser aumentar a quantidade de pessoas a ler a sua pergunta e responder com comentários, deve adicionar sempre à imagem.
Claramente pode também reforçar na legenda.
Ao realizar esta ação tenha cuidado para não tirar a beleza da imagem, proporcionando o efeito contrário ao que pretende, existem imagens que simplesmente não ficam bem com texto sobreposto.

3. Responda aos comentários

Como já referido em cima, quando os usuários fazem um comentário, é necessário perderem mais tempo que colocar um simples gosto. Eles precisam de refletir e também escrever.
Então, partindo desta premissa “o esforço que o utilizador teve para comentar a sua publicação”, é sempre bom também retribuir, agradecendo-lhes o seu comentário e responder caso surja alguma pergunta. Esta ação só vai fortalecer a sua relação com os seus seguidores.
Contudo, vamos supor que não tem muito tempo. No mínimo responda a alguns deles.
São vários os digital influencer que respondem regularmente aos comentários feitos nas suas publicações do Instagram. Obviamente perceberam que é uma das ações mais vantajosas para ganhar comentários no Instagram.
Esta técnica que vem aí… é infalível!

4. Criar concursos de comentários como “Identifique para Ganhar”

Se está em uma luta constante para ganhar comentários nas suas publicações, pode desenvolver um concurso “comente para ganhar” ou “identifique para ganhar” são estratégias que impulsionam o seu perfil.
Este tipo de estratégia digital funciona da seguinte forma:
  • Comente para ganhar – Todos os usuários precisam de deixar um comentário apelativo e com significado nas suas publicações ou em uma publicação em particular.
  • Identifique para ganhar – Neste caso os utilizadores têm de identificar um amigo no comentário.
Sinceramente, ambas as estratégias são eficientes em ganhar comentários no Instagram e de modo orgânico.
Como resultado, terá uma enorme quantidade de comentários, especialmente com identificações de outros potenciais seguidores e que possivelmente também vão participar no concurso, tornando-se assim numa “bola de neve”.
Tome como exemplo a publicação da @maquibeauty.pt
https://www.instagram.com/p/BwZ79XFFD\_f/?utm\_source=ig\_web\_button\_share\_sheet
Para participar neste concurso, os usuários precisavam de seguir dois perfis no Instagram e convidar dois amigos. Como pode verificar esta publicação teve mais de 2.000 comentários. Um pequeno detalhe, já reparou que tem mais comentários do que gostos?
Sem querer destacar o facto de terem ganho uma quantidade enorme de seguidores no Instagram.

Ganhar curtidas no Instagram

Sabia que de acordo com o estudo realizado pela Apache Maven, você em média recebe 1 comentário por cada 33 gostos. Portanto, se tiver o seu foco em ganhar curtidas e aumentar esse número, naturalmente vai ganhar comentários também.
Deixamos aqui algumas outras estatísticas do estudo realizado pela Apache Maven para o ajudar a ganhar curtidas no Instagram.
Esta dica é de facto muito boa!
O filtro Mayfair, Sem filtro e Inkwell funcionam melhor que os restantes.

https://preview.redd.it/a42f90z20x731.jpg?width=724&format=pjpg&auto=webp&s=9953c6e7b68645b213d2018d930289f2e6fabe16
O estudo descobriu que ao utilizar estas três opções (pela ordem de preferência mencionada) nas suas imagens vai aumentar o número de interações, logicamente estamos a supor que as imagens preencham alguns requisitos: qualidade, bonita e de fácil perceção.
Isto porque, foi com esses requisitos e filtros que houve maior número de interação entre imagem e usuário.

1. Utilize as hashtag para Instagram

As hashtag são uma forma de etiquetar ou catalogar o conteúdo no Instagram, bom obviamente também serve para ganhar seguidores.
Sugiro que utilize no mínimo 11 hashtag é a quantidade certa para obter mais interação e não ficar com uma descrição com ruído visual.
Então, não tenha receio de diversificar as hashtags, escolha sobretudo as mais populares e relevantes para obter melhores resultados.
Tente sempre usar hashtags que também tenham relação direta com a sua imagem.
Imagine, se está publicando uma imagem genérica que muitos utilizadores vão achar interessante, pode usar algumas destas hashtags:

Popular

#fun #instagramers #food #smile #pretty #followme #nature #lol #dog #hair #onedirection #sunset #swag #throwbackthursday #instagood #beach #statigram #friends #hot #funny #blue #life #art #instahub #photo #cool #pink #bestoftheday #clouds
#amazing #followme #all_shots #textgram #family #instago #igaddict #awesome #girls #instagood #my #bored #baby #music #red #green #water #harrystyles #bestoftheday #black #party #white #yum #flower #2012 #night #instalove #niallhoran #jj_forum

Party

#party #partying #fun #instaparty #instafun #instagood #bestoftheday #crazy #friend #friends #besties #guys #girls #chill #chilling #kickit #kickinit #cool #love #memories #night #smile #music #outfit #funtime #funtimes #goodtime #goodtimes #happy

Instagram

#instagrammers #igers #instalove #instamood #instagood #followme #follow #comment #shoutout #iphoneography #androidography #filter #filters #hipster #contests #photo #instadaily #igaddict #TFLers #photooftheday #pics #insta #picoftheday #bestoftheday #instadaily #instafamous #popularpic #popularphoto

Funny

#funny #lol #lmao #lmfao #hilarious #laugh #laughing #tweegram #fun #friends #photooftheday #friend #wacky #crazy #silly #witty #instahappy #joke #jokes #joking #epic #instagood #instafun #funnypictures #haha #humor
Vem aí outra dica interessante,
Como encontrar as melhores hashtags, nem sempre é fácil, principalmente para quem é novato neste meio. Existe imensas plataformas que disponibilizam gratuitamente um gerador automático de hashtags para Instagram, consoante o termo que aplicar, basta pesquisar no Google por “find hashtags”.

2. Publicar ao domingo

A Sprout Social realizou um estudo onde faz referência ao horário com maior engajamento e podemos verificar que Quinta-feira é o melhor dia em termos Globais, ou seja sem orientação de nicho ou segmento.
Assim sendo, pode existir determinado nicho que não coincida com esta informação.

https://preview.redd.it/c1swxii50x731.jpg?width=600&format=pjpg&auto=webp&s=d43d3338471f8cf95581750ad1ccbc45ee301902
Se tem uma conta nova ou não tem muitas publicações no seu feed, aproveite esta dica e comece a atualizar o seu perfil com as fotografias mais relevantes à Quinta-feira.
Caso, publique diariamente e não tem resultados, existe ferramentas de gerenciamento para Instagram onde você agenda os seus posts para sair no momento certo, evitando o percalço de não conseguir publicar naquele dia e determinada hora.

3. Identificar usuários nas imagens

Esta dica é avassaladora, sabia que identificar contas relevantes na sua publicação tem um enorme potencial para aumentar o engajamento?
Embora as tags não funcionem do mesmo modo que as hashtags, elas têm um propósito semelhante: aumentar o alcance da publicação.
Esta dica foi partilhada na sequência de emails do Blog Publicidade e Marketing em como ganhar seguidores no Instagram: de 0 a 20k, onde explicam passo a passo, sensacional!
Achamos tão óbvio e ao mesmo tempo… damn… porque não pensamos nisto antes!
Basicamente assim que publique a sua imagem, identifique com destaque contas relevantes como produtos ou marcas, influenciadores do mesmo nicho, ou utilizadores que possam ser relevantes para a sua publicação.
Incrivelmente, isto terá um resultado incrível no algoritmo do Instagram, pois será visto como conteúdo relevante. Além disso vai aumentar a probabilidade dos seguidores e de quem explora o perfil identificado ver a sua imagem.
Mas cuidado! Tal como acontece com as hashtags, há um risco de se tornar spammer se utilizar esta estratégia regularmente sem razão aparente.
Use, mas não abuse!
Tente criar empatia com o utilizador identificado, mostre que não é um simples hack para ganhar likes no seu perfil de Instagram.

4. Conecte seu Instagram às outras redes sociais

Uma dica extremamente simples, e que não exige tanto esforço, alias vai rentabilizar o seu tempo e aumentar o alcance das suas publicações. Então melhor que divulgar em uma rede social de sucesso é propagar por várias outras redes sociais.
Para isso, basta aceder à área de opções do aplicativo, escolher “contas vinculadas” em Configurações e selecionar as redes sociais da sua preferência.
Pode ainda, compartilhar as suas fotografias em outras plataformas como Flickr, Tumblr, Swarm, Ameba e outras. Tudo isto com a premissa de “aumentar o alcance das publicações” e obviamente a oportunidade de ser descoberto por outros utilizadores.
Não desespere! A melhor parte está a chegar.

5. Capture fotografias interessantes!

Um outro fator que faz toda a diferença no captar atenção dos utilizadores do Instagram é a qualidade das fotos, conforme já mencionamos em cima nos requisitos mínimos.
Pois, é verdade!
O Instagram sendo uma rede social de sentido visual, não seria de esperar que a qualidade da imagem seja um fator relevante para ganhar seguidores no Instagram.
Não tenha receio de explorar ângulos, em experimentar a iluminação ou evitar captar uma foto pela falta de excelência em determinado momento.
Este pequeno pormenor pode resultar em curtidas e inclusive chamar atenção de quem explora o feed.
Pode também organizar o seu perfil com alguma coerência de cor, tornando a sua galeria de imagens em um padrão de cor sólido conforme os exemplos que se seguem:

https://preview.redd.it/nmijq5h70x731.jpg?width=724&format=pjpg&auto=webp&s=d60a15282bcdba6d8bd341307a40c761ff22e8ff

6. Marque a sua presença nas Redes Sociais

Já pensou o quanto é importante estar presente nas redes sociais? Certamente sabe e por isso leu este artigo até aqui.
Por sabermos que pretende aumentar o seu alcance nas mídias sociais, vamos detalhar ainda mais o artigo a partir daqui… como dissemos na introdução, este artigo “como ganhar seguidores no Instagram” tem informações que ninguém vai compartilhar.
Tudo isto é resultado de muita pesquisa, sobretudo experimentos e claro, muita vontade em compartilhar conhecimento.
Voltando ao tópico…
A sua presença nas redes sociais é importante para manter os utilizadores e seguidores interessados no conteúdo que publica. No entanto, não adianta ter o perfil mais bonito, ter bons comentários, muitos gostos e só abrir a rede social uma vez por semana.
A razão é simples… agora tudo funciona lindamente, mas vai cair a dado momento, a taxa de engajamento tem de ser cuidada, deve-se relacionar, criar empatia, resumidamente – estar presente!

7. Aprenda com a concorrência

Conhece aquela sensação de quando visualiza uma publicação de excelente resultado e você acha que podia ter feito melhor?
É isso mesmo! Aprender com os erros dos outros é uma excelente estratégia de como ganhar seguidores no Instagram, e assim poder aplicar uma nova abordagem no mesmo contexto obtendo melhores resultados.
Não poupe nas curtidas nas imagens de outros utilizadores, comente sempre que tenha um serviço ou produto relevante, partilhe o seu conteúdo de forma contextualizada e fundamentalmente mantenha um bom ritmo.
De igual modo, também pode compartilhar imagens de outros perfis do seu nicho que sejam autoridade. Esta ação pode criar uma oportunidade de empatia, nunca se sabe…

8. Crie constantemente o engajamento

As suas imagens não vão receber comentários ou gostos se evitar tomar iniciativa.
Dito isto, tome iniciativa e estimule a vontade dos utilizadores. Goste, comente e identifique as imagens que encontrar.
Dê preferência às publicações que se relacionem com o seu nicho, esta é uma boa alternativa para criar empatia com alguns usuários do Instagram. Conforme em suma é importante perder tempo a comentar para que os outros utilizadores também lhe deem valor.

9. Varie no conteúdo

Variar o conteúdo é uma excelente adição ao seu perfil, experimente outros formatos de publicação, tem como alternativa o vídeo que possui a mais alta taxa de interação, três vezes mais que as imagens de alta qualidade.
https://www.instagram.com/p/BuM7Gn-HOSe/?utm\_source=ig\_web\_button\_share\_sheet
Resumindo, capriche nas publicações e vai certamente ganhar seguidores e ter um perfil de sucesso.
A falar de sucesso vou partilhar alguns bons exemplos agora de seguida.

Quem tem mais seguidores no Instagram

Pois, não podíamos escrever um artigo sobre ganhar seguidores no Instagram sem mencionar quem tem mais seguidores nesta rede social.
Neste top vai encontrar perfis de Portugal e Brasil.
Este é o top de quem tem mais seguidores no Instagram, sabia que se possuir uma boa quantidade de seguidores pode ganhar dinheiro com isso?
Só para ter uma ideia, o Cristiano Ronaldo, por exemplo, ganha 1.5 milhão de euros por uma publicação patrocinada.
Pois, é assim nada fácil… mas dá para entender o conceito! Por alguma razão quer ganhar seguidores no Instagram, e encontrou este artigo.
Pode acreditar que estamos juntos nesta jornada!
Está a chegar mais umas dicas bombásticas.
Seja persistente!

Comprar seguidores Instagram

Acreditamos que o seu conteúdo até é excelente, mas o seu perfil estagnou! Consegue imaginar que resultados teria se a sua conta tivesse 10 mil ou 20 mil seguidores?
Se o seu objetivo é ganhar dinheiro com o Instagram ou ser reconhecido nas redes sociais, pode parecer uma tentação comprar seguidores.
Pois bem, existe uma infinidade de serviços disponíveis na Internet que concedem a aquisição de seguidores pelo preço de um café expresso.
Vamos refletir um pouco… ninguém é assim tão inculto.
Obviamente as marcas conseguem facilmente perceber se o seu perfil é manipulado. Ou seja, se pretende ganhar dinheiro com o Instagram tem de optar por ganhar esses seguidores como se fosse um Expert na matéria, através da premissa “engajamento”.
Por essa razão, vamos responder a todas as dúvidas que nos têm colocado sobre comprar seguidores do Instagram, proporcionando-lhe uma reflexão sólida sobre o que é melhor para si, e não estamos a desaconselhar a utilizar alguma ferramenta, até pode utilizar, mas com sabedoria!
Leia com atenção.

Posso comprar seguidores do Instagram?

Com certeza, pode comprar seguidores do Instagram. Com uma rápida consulta no Google e vai encontrar imensos pacotes, extremamente baratos.
De salientar que grande parte desses seguidores são bots ou contas inativas, isto significa que nunca vai criar empatia com as suas publicações, pois… se leu o artigo em cima, isto não será muito vantajoso.
Alguns desses pacotes estão disponíveis entre € 5,35 ($6 USD) a €8,92 ($10 USD) para ganhar de 500 a 1.000 seguidores. Vale a pena referir novamente, quando está a comprar esse tipo de seguidores está a pagar por um número no seu perfil, apenas isso.
Agora sim, vem a opção que achamos mais eficaz e muitas das celebridades utilizam.
Sim leu bem!
Já lhe deve ter acontecido alguma celebridade ou autoridade do seu nicho seguir o seu perfil e após uns dias deixou… pois… é exatamente uma das funcionalidades do aplicativo que vamos descrever agora.
Pode pagar por serviços onde escolhe estrategicamente as contas que são mais indicadas para criar empatia com os seus seguidores, isto através de uma filtragem de preferências (hashtag, localização e tipo de conta).
Sem dúvida, é a forma mais inteligente de ganhar seguidores no Instagram.
Ao utilizar esta opção, os seguidores que vai adquirir são pessoas reiais e geralmente ficam engajados, já fizemos o experimento e obtivemos excelentes resultados, alias… até recomendamos este tipo de serviço porque de facto é surpreendente.
Bom, retornando ao tema, se a sua prioridade é somente ter uma enorme quantidade de seguidores opte por comprar seguidores, se procura aumentar o engajamento do seu perfil e ganhar seguidores do Instagram de forma gradual, opte pela última opção.
A razão é simples, você iria seguir um perfil onde visse que tinha 20 mil seguidores e nas publicações 20 gostos e 0 comentários?
Pois… não demonstra credibilidade nenhuma e claramente não vai ganhar dinheiro pelo Instagram, as marcas percebem de imediato que não vão obter o retorno de investimento através da sua conta.
Opte por contratar um serviço de gestão de contas do Instagram. Assim, é lhe garantido uma performance real no seu perfil.
Assim sendo, nada como contratar o melhor serviço de gestão de redes sociais em Portugal e Brasil, a Agência especializada em Marketing Digital – Convergente.
Trabalhamos desde a criação de conta à sua gestão, peça um orçamento sem compromisso!

Conclusão

Conclusão, com este artigo já sabe como criar uma conta de Instagram de sucesso com uma legião de fãs.
Deixando aqui algumas notas, não se esqueça que o mais importante é interagir com os seguidores. Dê valor ao tempo que eles têm em gostar, comentar e sobretudo seguir o seu trabalho e seja consistente na mensagem que quer passar.
submitted by convergentemkt to u/convergentemkt [link] [comments]

Câncer de mama: dos primeiros sinais ao tratamento

que é Câncer de mama?
O câncer de mama é um tumor maligno que se desenvolve na mama como consequência de alterações genéticas em algum conjunto de células da mama, que passam a se dividir descontroladamente. Ocorre o crescimento anormal das células mamárias, tanto do ducto mamário quanto dos glóbulos mamários. Esse é o tipo de câncer que mais acomete as mulheres em todo o mundo, sendo 1,38 milhões de novos casos e 458 mil mortes pela doença por ano, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). A proporção em homens e mulheres é de 1:100 - ou seja, para cada 100 mulheres com câncer de mama, um homem terá a doença. No Brasil, o Ministério da Saúde estima 52.680 casos novos em um ano, com um risco estimado de 52 casos a cada 100 mil mulheres. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Mastologia, cerca de uma a cada 12 mulheres terão um tumor nas mamas até os 90 anos de idade. Segundo o INCA, é que represente, em 2016, 28,1% do total dos cânceres da mulher.
Tipos
Existem diversos tipos e subtipos de câncer de mama. No geral, o diagnóstico leva em conta alguns critérios: se o tumor é ou não invasivo, seu tipohistológico, avaliação imunoistoquímica e seu estadio (extensão):
Tumor invasivo ou não
Um câncer de mama não invasivo, também chamado de câncer in situ, é aquele que está contido em algum ponto da mama, sem se espalhar para outros órgãos - a membrana que reveste o tumor não se rompe, e as células cancerosas ficam concentradas dentro daquele nódulo. Já o tipo invasivo acontece quando essa membrana se rompe e as células cancerosas invadem outros pontos do organismo. Todo câncer in situ tem potencial para se transformar em invasor.
Avaliação Imunoistoquímica
Também chamada de IQH, a avaliação imunoistoquímica para o câncer de mama avalia se aquele tumor tem os chamados receptores hormonais. Aproximadamente 65 a 70% dos cânceres de mama tem esses receptores, que são uma espécie de ancoradouro para um determinado hormônio. Existem três tipos de receptores hormonais: o de estrógeno, o de progesterona e o de HER-2. Esses receptores fazem com que o determinado hormônio seja atraído para o tumor, se ligando ao receptor e fazendo com que essa célula maligna se divida, agravando a doença.
A progesterona e o estrógeno são hormônios que circulam normalmente por nosso organismo, que podem se ligar aos receptores hormonais do câncer de mama, quando houver. Já o HER-2 (sigla para receptor 2 do fator de crescimento epidérmico humano) é um gene que pode ser encontrado em todas as células do corpo humano, que tem como função ajudar a célula nos processos de divisão celular. O gene HER-2 faz com que a célula produza uma proteína chamada proteína HER-2, que fica na superfície das células. De tempos em tempos, a proteína HER-2 envia sinais para o núcleo da célula, avisando que chegou o momento da divisão celular. Na mama, cada célula possui duas cópias do gene HER-2, que contribuem para o funcionamento normal destas células. Porém, em algumas pacientes ocorre o aparecimento de um grande número de genes HER-2 no interior das células da mama. Com o aumento do número de genes HER-2 no núcleo, ficará também aumentado o número de receptores HER-2 na superfície das células.
Tipo histológico do câncer de mama
O tipo histológico é como se fosse o nome e o sobrenome do câncer. Os tipos histológicos se dividem em vários subtipos, de acordo com fatores como a presença ou ausência de receptores hormonais e extensão do tumor. Os tipos mais básicos de câncer de mama são:
· Carcinoma ducta in situ: é o tipo mais comum de câncer de mama não invasivo. Ele afeta os ductos da mama, que são os canais que conduzem leite. Ele não invade outros tecidos nem se espalha pela corrente sanguínea, a membrana que reveste o tumor não se rompe, e as células cancerosas ficam concentradas dentro daquele nódulo mas pode ser multifocal, ou seja, pode haver vários focos dessa neoplasia na mesma mama. Caracteriza-se pela presença de um ou mais receptores hormonais na superfície das células.Todo câncer de mama in situ tem potencial para se transformar em invasor.
· Carcinoma ductal invasivo: ele também acomete os ductos da mama, e se caracteriza por um tumor que pode invadir os tecidos que os circundam. O câncer do tipo ductal invasivo representa de 65 a 85% dos cânceres de mama invasivos. Esse carcinoma pode crescer localmente ou se espalhar para outros órgãos por meio de veias e vasos linfáticos. Caracteriza-se pela presença de um ou mais receptores hormonais na superfície das células.
· Carcinoma lobular in situ: ele se origina nas células dos lobos mamários e não tem a capacidade de invasão dos tecidos adjacentes. Frequentemente é multifocal. O carcinoma lobular in situ representa de 2 a 6% dos casos de câncer de mama.
· Carcinoma lobular invasivo: ele também nasce dos lobos mamários e é o segundo tipo mais comum. O carcinoma lobular invasivo pode invadir outros tecidos e crescer localmente ou se espalhar. Geralmente apresenta receptores de estrógeno e progesterona na superfície das células, mas raramente a proteína HER-2.Tem maior de afetar as duas mamas.
· Carcinoma inflamatório: raramente apresenta receptores hormonais, podendo ser chamado de triplo negativo. Ele é a forma mais agressiva de câncer de mama – e também a mais rara. O carcinoma inflamatório se apresenta como uma inflamação na mama e frequentemente tem uma grande extensão. Ele também começa nas glândulas que produzem leite. As chances dele se espalhar por outras partes do corpo e produzir metástase é grande.
· Doença de Paget: é um tipo de câncer de mama que acomete a aréola ou mamilos, podendo afetar os dois ao mesmo tempo. Ele representa de 0,5 a 4,3% de todos os casos de carcinoma mamário, sendo portando uma forma mais rara. Ele é caracterizado por alterações na pele do mamilo, como crostas e inflamações – no entanto, também pode ser assintomático. Existem duas teorias para explicar a origem da doença de Paget da mama: as células tumorais podem crescer nos ductos mamários e progredir em direção à epiderme do mamilo, ou então as células tumorais se desenvolvem já na porção terminal dos ductos, na junção com a epiderme.
Estadiamento do câncer de mama
O câncer de mama é dividido em quatro estadios ou estágios, conforme a extensão da doença, que vão do 0 ao 4:
· Estadio 0: as células cancerosas ainda estão contidas nos ductos, por isso o problema é quase sempre curável
· Estadio 1: tumor com menos de 2 cm, sem acometimento das glândulas linfáticas da axila
· Estadio 3: nódulo com mais de 5 cm que pode alcançar estruturas vizinhas, como músculo e pele, assim como as glândulas linfáticas. Mas ainda não há indício de que o câncer se espalhou pelo corpo
· Estadio 4: tumores de qualquer tamanho com metástases e, geralmente, há comprometimento das glândulas linfáticas. No Brasil cerca de 60 a 70% dos casos são diagnosticado em estadio 3 ou 4.
Fatores de risco
Os principais fatores de risco para o câncer de mama são:
)
Histórico familiar
Os critérios para identificar o risco genético para a doença são:
· Dois ou mais parentes de primeiro grau com câncer de mama
· Um parente de primeiro grau e dois ou mais parentes de segundo ou terceiro grau com a doença
· Dois parentes de primeiro grau com esse tipo de câncer, sendo que um teve a doença antes de 45 anos
· Um parente de primeiro grau com câncer de mama bilateral
· Um parente de primeiro grau com a doença e um ou mais parentes com câncer de ovário
· Um parente de segundo ou terceiro grau com câncer de mama e dois ou mais com câncer de ovário
· Três ou mais parentes de segundo ou terceiro grau com a doença
· E dois parentes de segundo ou terceiro grau com câncer de mama e um ou mais com câncer de ovário.
Idade
As mulheres entre 40 e 69 anos são as principais vítimas. Isso porque a exposição ao hormônio estrógeno está no auge com a chegada dessa idade. A partir dos 50 anos, particularmente, os riscos entram em uma curva ascendente.
Menstruação precoce
A relação com a menstruação está no fato de que é no início desse período que o corpo da mulher passa a produzir quantidades maiores do hormônio estrógeno. Esse hormônio em quantidades alteradas facilita a proliferação desordenada de células mamárias, resultando em um tumor. Quanto mais intensa e duradoura é a ação do hormônio nas células mamárias, maior é a probabilidade de um tumor. Se a primeira menstruação ocorre por volta dos 9 ou 10 anos de idade, é porque os ovários intensificaram a produção do hormônio cedo e, assim, o organismo ficará exposto ao estrógeno por mais tempo no decorrer da vida.
Menopausa tardia
A lógica nesse caso é a mesma do caso acima - enquanto a menstruação não cessa, os ovários continuam a produzir o estrógeno, deixando as glândulas mamárias mais expostas ao crescimento celular desordenado.
Reposição hormonal
Muitas mulheres procuram a reposição hormonal para diminuir os sintomas da menopausa. Mas essa reposição - principalmente de esteroides, como estrógeno e progesterona - pode aumentar as chances. Na menopausa, os tecidos ficam ainda mais sensíveis à ação do estrógeno, já que os níveis desse hormônio estão baixos devido à ausência de sua produção pelo ovário. Como alternativa à reposição hormonal, é indicada a prática de exercícios físicos e uma dieta balanceada.
Colesterol alto
O colesterol é a gordura que serve de matéria prima para a fabricação do estrógeno. Dessa forma, mulheres que altos níveis de colesterol tendem a produzir esse hormônio em maior quantidade, aumentando o risco de câncer de mama.
Obesidade
O excesso de peso é um fator de risco para o câncer de mama principalmente após a menopausa. Isso porque a partir dessa idade o tecido gorduroso passa a atuar como uma nova fábrica de hormônios. Sob a ação de enzimas, a gordura armazenada nas mamas, por exemplo, é convertida em estrógeno. O alerta é mais sério para aquelas que apresentam um índice de massa corporal (IMC) igual ou superior a 30. A redução de apenas 5% do peso já cortaria quase pela metade os riscos de desenvolver alguns dos principais tipos da doença. A constatação é de pesquisadores do Centro de Prevenção Fred Hutchinson (EUA), com base na avaliação de dados de 439 mulheres acima do peso entre 50 e 75 anos de idade.
Ausência de gravidez
Mulheres que nunca tiveram filhos têm mais chances devido a ausência de amamentação. Quando a mulher amamenta, ela estimula as glândulas mamárias e diminui a quantidade de hormônios, como o estrógeno, em sua corrente sanguínea.
Saiba mais:
Tudo sobre emagrecimento saudável
Lesões de risco
Já ter apresentado algum tipo de alteração na mama não relacionada ao câncer de mama também pode aumentar as chances do surgimento de tumores. Dessa forma, pequenos cistos ou calcificações encontrados na mama, ainda que benignos, devem ser acompanhados com atenção.
Tumor de mama anterior
Pacientes que já tiveram câncer de mama têm mais chances de apresentar outro tumor - nesse caso é chamado de câncer recidivo ou que sofreu uma recidiva.
Sintomas
Sintomas de Câncer de mama
Os sintomas do câncer de mama variam conforme o tamanho e estágio do tumor. A maioria dos tumores da mama, quando iniciais, não apresenta sintomas.
Caso o tumor já esteja perceptível ao toque do dedo, é sinal de que ele tem cerca de 1 cm³ - o que já é uma lesão muito grande. Por isso é importante fazer os exames preventivos (como a mamografia) na idade adequada, antes do aparecimento deste e de qualquer outro sintoma do câncer de mama.
Veja os outros sinais possíveis do câncer de mama:
· Vermelhidão na pele, inchaço ou calor
· Alterações no formato dos mamilos e das mamas, principalmente as alterações recentes, é possível até que uma mama fique diferente da outra
· Nódulos na axila
· Secreção escura saindo pelo mamilo
· Pele enrugada, como uma casca de laranja
· Em estágios avançados, a mama pode abrir uma ferida.
Diagnóstico e Exames
Diagnóstico de Câncer de mama
Além da mamografia, ressonância magnética, ecografia e outros exames de imagem que podem ser feitos para identificar uma alteração suspeita de câncer de mama, é necessário fazer uma biópsia do tecido coletado da mama. Nesse material da biópsia é que a equipe médica identifica se as células são tumorosas ou não. Caso seja feito o diagnóstico, os médicos irão fazer o estudo dos receptores hormonais para saber se aquele tumor expressa algum ou não, além de sua classificação histológica. O tratamento vai ser determinado pela presença ou ausência desses receptores na célula maligna, bem como o prognóstico do paciente.
Na consulta médica
Chegando ao consultório com a mamografia suspeita para câncer de mama, o médico fará perguntas sobre seu histórico familiar da doença, idade, data de início da menstruação, se você já está na menopausa e outras questões relacionadas a fatores de risco. Depois, fará a análise da mamografia e da biópsia a fim de encontrar o diagnóstico.
Caso você já tenha recebido o diagnóstico, é importante tirar todas as suas dúvidas com o médico e não deixar nada escapar. Confira algumas dicas para aproveitar ao máximo a consulta:
· Se não entender o médico, peça que repita com termos mais simples ou usando desenhos
· Leve um caderno para a consulta e anote os pontos mais importantes e para levar dúvidas anotadas para as consultas
· Caso queira informações adicionais sobre seu caso, peça a seu médico que indique livros, sites ou artigos
· Prefira levar um acompanhante para ajudar na assimilação de novas informações.
Segue uma lista de perguntas importantes para fazer na consulta:
· Onde está a doença nesse momento e qual a sua extensão?
· Meu câncer é receptor de hormônio positivo ou negativo?
· Meu câncer é HER-2 positivo ou negativo?
· Quais são as opções de tratamento e como elas funcionam?
· Quais são os efeitos colaterais mais e menos comuns do tratamento?
· Como esse tratamento me beneficiará?
· Posso evitar os desconfortos do tratamento? Como?
· Qual a previsão de duração do tratamento?
· Precisarei visitar o médico e realizar exames com que frequência durante o tratamento? Quais exames serão necessários?
· Precisarei ficar internada?
· Precisarei seguir dieta específica?
· Posso fazer a reconstrução mamária? Como ficará minha mama?
· Posso apresentar linfedema? Quais são as chances?
· Meu câncer voltará? Quais são as chances?
· Para quem devo ligar se tiver dúvidas e problemas relativos ao tratamento?
· Quando terminar, quais serão os próximos passos?
· Eu tenho outras doenças concomitantes que afetam a minha capacidade de tolerar tratamentos?
· Há alguma recomendação especial para esse momento?
Tratamento e Cuidados
Tratamento de Câncer de mama
Existem diversos tratamentos para o câncer de mama, que podem ser combinados ou não. Todo câncer deverá ser retirado com uma cirurgia, que pode retirar parte da mama ou ela toda – entretanto, em alguns casos pode ser que a cirurgia seja combinada com outros tratamentos.
O que vai determinar a escolha do tratamento é a presença ou ausência de receptores hormonais, o estadiamento do tumor, se já apresenta o diagnóstico com metástase ou não.
Outro fator determinante para o tratamento é a paciente e qual o seu estado de saúde e época da vida. Tratar o quadro em uma mulher de 45 anos, saudável, é completamente diferente de fazer o tratamento em uma mulher com 80 anos e doenças relacionadas – ainda que o tipo e extensão do câncer sejam exatamente iguais. Nesse caso, deve ser levado em conta o impacto dos tratamentos e se eles irão interferir na qualidade de vida da paciente. Os tratamentos são divididos entre terapia local e terapia sistêmica:
Terapia local de câncer de mama
O câncer de mama tratado localmente será submetido a uma cirurgia parcial ou total seguida de radioterapia:
· Cirurgia: é a modalidade de tratamento mais antiga. Quando o tumor se encontra em estágio inicial, a retirada é mais fácil e com menor comprometimento da mama
· Radioterapia: terapia que usa radiação ionizante no local do tumor. É muito utilizada para tumores que ainda não se espalharam e não metástases, para os quais não é necessária a retirada de grande parte da mama. A radioterapia também pode ser usada nos casos em que o câncer de mama não pode ser retirado completamente com a cirurgia, ou quando se quer diminuir o risco de o tumor voltar a crescer. Dura aproximadamente um mês.
Terapia sistêmica do câncer de mama
O tratamento sistêmico se faz com um conjunto que medicamentos que serão infundidos por via oral ou diretamente na corrente sanguínea. Em ambos os casos, o tratamento não é feito de forma local – ou seja, o medicamento irá circular por todo o organismo, inclusive onde o tumor se encontra. Há três modalidade de terapia sistêmica:
· Quimioterapia: tratamento que utiliza medicamentos orais ou intravenosos, com o objetivo de destruir, controlar ou inibir o crescimento das células doentes. A quimio pode ser feita antes ou após a cirurgia, e o período de tratamento varia conforme o câncer de mama e a paciente
· Hormonioterapia: tem como objetivo impedir a ação dos hormônios que fazem as células cancerígenas crescerem. A hormonioterapia, portanto, só poderá ser utilizada em pacientes que apresentam pelo menos um receptor hormonal em seu tumor. Essa terapia no geral é feita via oral, e as drogas agem bloqueando ou suprimindo os efeitos do hormônio sobre o órgão afetado
· Imunoterapia: também conhecido como terapia anti HER-2, essa modalidade é constituída de drogas que bloqueiam alvos específicos de determinadas proteínas ou mecanismo de divisão celular presente apenas nas células tumorais ou presentes preferencialmente nas células tumorais. São medicamentos ministrados geralmente via oral. Quando o tumor expressa a proteína HER-2 em grande quantidade, por exemplo, são utilizadas drogas que irão destruir essas células especificamente. Existem outras proteínas ou processos celular que podem se acentuar no tumor e intensificar seu crescimento, e as drogas da terapia alvo irão agir nesses pontos específicos.
Caso o tumor tenha grande extensão, pode ser que o médico recomende uma terapia sistêmica inicialmente, para diminuir o tamanho do câncer de mama e assim fazer a cirurgia parcial. Se o câncer apresentar metástases, a terapia sistêmica também é indicada, já que as drogas agem no corpo inteiro, encontrando focos do tumor e eliminando. A escolha do tratamento tem que levar em conta a curabilidade da doença e a tolerância à toxicidade do tratamento (algumas mulheres não podem se expor a tratamentos muito severos durante um longo período). Pacientes que sofreram metástases deverão se submeter ao algum tratamento sistêmico para o resto da vida, além do acompanhamento clínico.
Complicações possíveis
Entre as complicações está a recidiva, que é a volta de um tumor já tratado. A recidiva do câncer de mama ocorre nos dois ou três primeiros anos após a retirada do tumor, por isso é necessário fazer um acompanhamento próximo nesse período, com mamografias regulares em intervalos de seis meses ou anualmente mais análise clínica do paciente. O tumor também pode invadir outros tecidos e se espalhar pela circulação sanguínea ou linfática, atingindo outros órgãos como fígado e ossos - causando as chamadas metástases. Se o câncer for metastático, o tratamento deve ser sistêmico e acompanhado também individualmente.
Além disso, há os efeitos colaterais das terapias. Após a cirurgia, é necessário acompanhamento com médico e fisioterapeuta para evitar o rompimento dos pontos e necrose de tecidos - também é importante manter a higienização do local para evitar infecções. A cirurgia também envolve a modificação e pode causar uma série de alterações psicológicas na paciente, além das físicas.
A hormonioterapia pode piorar os sintomas da menopausa, favorecer a osteoporose, aumentar o risco de trombose e coágulos nas pernas - entretanto, esses efeitos colaterais são raros e as pacientes no geral tem uma alta tolerância ao tratamento.
Durante a quimioterapia a mulher pode sofrer infecções bucais, queda de cabelo, diarreia, náuseas e baixa imunidade temporária. Algumas quimioterapias também pode afetar a saúde cardiovascular - por isso é importante o acompanhamento com cardiologista. O sistema reprodutor também pode ser afetado, por isso, se você estiver em idade reprodutiva e pretende ter filhos, discuta com seu médico e parceiro(a) a possibilidade de se fazer o congelamento de óvulos. A queda dos cabelos é efeito mais comum da quimioterapia e não é controlável - isso porque o tratamento irá matar tudo aquilo que está crescendo. Dessa forma, além da queda de cabelo, pode ser que você perceba as unhas mais fracas também.
A terapia anti HER-2 tem menos efeitos colaterais, mas pode induzir uma toxicidade no coração - por isso, muita atenção com o cardiologista se optar por esse tratamento. Os anticorpos monoclonais, ligando-se às células cancerígenas e destruindo-as especificamente, apresentam geralmente menor grau de toxicidade que os quimioterápios convencionais. Ainda sim, pode gerar efeitos como falta de ar, sensação de calor, queda da pressão arterial e rubor. Notifique imediatamente a equipe que te atende ao sinal desses sintomas. Normalmente, esses efeitos diminuem nas administrações posteriores. Já a radioterapia pode causar cansaço e queimaduras leves na pele que voltam ao normal com o fim da terapia.
Convivendo (prognóstico)
Câncer de mama tem cura?
A maior chance de cura é por meio do diagnóstico precoce. Um tumor diagnosticado no estadio 0 ou 1 chega a ter mais 90% de chance de cura. Já um câncer de mama no estadio 3 ou 4 tem de 30 a 40% de chance de cura total. Mas isso não é motivo para desistir ou achar que o seu caso não tem cura – com o tratamento adequado e força de vontade, todo o obstáculo é transpassado. Mesmo cânceres em estadios mais avançados podem responder bem ao tratamento, podendo ser operados e retirados completamente. Por isso é importante conversar com seu médico e sempre buscar novas formas de lidar com a doença.
Convivendo/ Prognóstico
O prognóstico do câncer de mama depende de todas as características do tumor e paciente, como também da disponibilidade das drogas adequadas. No Brasil ainda não está disponível a terapia anti HER2 para doença metastática, por exemplo. Além disso, 40% das mulheres com câncer no geral que precisam de radioterapia não recebem o tratamento porque não tem equipamentos suficientes no país para suprir a demanda. Esse tipo de complicação pode piorar o prognóstico de uma paciente, que fica dependente de uma fila de espera ou então precisa se inscrever em programas internacionais. Existem modelos matemáticos que ajudam a estimar o risco de recidiva nos próximos dez anos – mas seus resultados não são 100% corretos ou perfeitos. Existem métodos mais modernos que avaliam o tumor da paciente em sua composição genética, individualmente. Com base na avaliação dos genes do tumor da paciente faz-se um prognóstico individualizado e o benefício que qualquer tratamento vai trazer para a cura do câncer de mama. Entretanto, esses testes são mais sofisticados e não precisam ser enviados para fora do país para avaliação.
O tratamento também envolve uma serie de cuidados e práticas para minimizar os efeitos das terapias:
Como minimizar os efeitos adversos da quimioterapia?
· Náuseas e vômitos: consuma alimentos de fácil digestão e converse com seu oncologista sobre a necessidade da utilização de antieméticos.
· Planeje a alimentação: algumas pessoas sentem-se bem comendo antes da quimioterapia e outras, não – nesse caso, o hábito varia conforme a necessidade da paciente com câncer de mama. Entretanto, deve-se sempre aguardar pelo menos uma hora após a sessão para consumir qualquer alimento ou bebida.
· Coma devagar: consuma pequenas refeições, cinco ou seis vezes por dia, em vez de três grandes refeições, evitando ingerir líquidos enquanto come. Isso evite enjoos e vômitos.
· Prefira alimentos frescos e evite consumi-los muito quentes
· Evite alimentos e bebidas fortes, como café, peixe, cebola e alho. Eles também favorecem os vômitos.
Cuidados durante a radioterapia
O radioterapeuta e a equipe de enfermagem debem orientá-la sobre os cuidados específicos que deverão ser adotados durante o tratamento de radioterapia. Esses cuidados variam muito de acordo com a região a ser irradiada.
· Pele: lave a pele irradiada com sabão suave e água morna. Tente não coçar nem esfregar a área.
· Pomada: aplique pomadas ou cremes sobre a pele somende com aprovação médica.
· Prefira roupas folgadas e confortáveis e se possível cubra a região irradiada com roupas claras.
Mais do que viver, a paciente pode viver bem, cuidando de si própria com carinho e atenção. Para ajudar as pacientes nesse desafio, é cada vez mais comum a abordagem multidisciplinar para o câncer de mama, com apoio de dentistas, nutricionistas, fisioterapeutas, enfermeiros, psicólogos, preparadores físicos e etc.
Fisioterapia para câncer de mama
Ela promove a independência funcional da paciente, permitindo que realize as atividades que deseja sozinha e sem inconveniências. Proporciona alívio da dor e reduz a necessidade do uso de analgésicos. Geralmente o tratamento é indicado após a cirurgia.
Nutrição
O acompanhamento nutricional ajuda a prevenir a perda de peso e a desnutrição durante o tratamento. Além disso, ele ajuda a paciente com câncer de mama a seguir as restrições dietéticas corretas para evitar possíveis efeitos colaterais do tratamento.
Exercícios físicos e câncer de mama
Não importante a atividade - o que importa é praticar. A atividade física ajuda a "mandar" a fadiga embora, aumenta a energia, a disposição e a autoestima, além de proporcionar convívio social.
· Depois da cirurgia: converse com seu médico sobre o retorno às atividades físicas. Isso varia de acordo com o tempo de recuperação esperado para cada procedimento e estado paciente.
· Algumas pacientes podem apresentar queda de imunidade durante o tratamento, o que pode ocasionar infecções oportunistas. Por isso, não se recomendam atividades com a natação – já o contato com a água da piscina pode favorecer infecções.
· Caso a ideia seja frequentar uma academia de ginástica, opte pela atividade supervisionada por um profissional de educação física. Relate seu caso, para que ele indique a série de exercícios mais adequada.
Sexualidade e sensualidade
Durante o tratamento do câncer de mama, diversas situações como diminuição da libido, alterações hormonais e incômodos emocionais podem influenciar diretamente no seu comportamento sexual. É importante que entenda que esses transtornos são causados por situações físicas que você está enfrentando e não tem a ver o que você é em essência. Tente resgatar nesse período a sensualidade que há em você – mas tudo em seu tempo.
· Fale com seu parceiro ou parceira: converse sobre a diminuição da libido para que a pessoa não se sinta rejeitada e confusa com seu possível desinteresse sexual. A comunicação aberta poderá ajudar a buscar maneiras criativas de despertas a sua libido.
· Fale com seu oncologista: seu médico pode prescrever medicamentos para combater os efeitos colaterais do tratamento, motivos que levam ao desinteresse sexual.
· Fale com um psicólogo: o profissional pode ajudar identificando e tratando os obstáculos emocionais que colaboram com o desinteresse sexual.
Cuidados com a autoestima
A queda de cabelos e a mastectomia são os pontos que mais podem afetar a autoestima da paciente. Tente não se render a esses sentimentos e procure saídas para esses incômodos, que são pequenos perto da sua qualidade de vida e da luta que você está travando. Você pode guardar os fios naturais para aplicar em rabo de cavalo quando cabelos voltarem a crescer, ou então comprar perucas e usar lenços coloridos, refletindo sua personalidade. Busque outras atividades que façam você se sentir bem, como cursos de uma área que você se interesse. Tudo vale para reconquistar a autoconfiança ou então não deixar que ela se vá.
Administrando sentimentos
O câncer de mama pode gerar uma série de sentimentos, diversos altos e baixos. Isso tudo é normal – o ser humano é cheio de emoções e a doença pode maximizar esse aspecto. Entenda que alguns dias serão melhores que outras, mas não permita que o mais estar se instale. O importante é que você não se desespere em meio aos sentimentos que experimenta. Se você perceber algum sinal de depressão, como tristeza profunda, falta de sono e apetite, insegurança e desânimo, converse com seu oncologista sobre o assunto. Ele poderá recomendar uma visita ao psicólogo.
Impacto do câncer de mama na minha vida
· Casa: se você ainda não divide a tarefas com seu parceiro (a) e filhos, essa é a hora para determinar novas funções. Durante o tratamento pode ser que você se sinta indisposta, e todo o apoio é importante nesse sentido.
· Trabalho: se você se sentir disposta e com vontade de trabalhar, vá em frente - isso ajudará a manter o convívio social e atrelará compromissos a sai vida que não estão relacionados com o tumor. Porém, em alguns momentos, você poderá se sentir debilitada e pode ser que opte por deixar o trabalho.
· Vida financeira: seu orçamento pode ficar abalado caso você precise parar de trabalhar, mais as despesas do tratamento. Saiba que é possível requisitar auxílio-doença e não se envergonhe se precisar pedir ajuda a um parente ou amigo mais próximo. Rever os gastos durante esse período também é essencial.
Conversando com seus filhos
· A pessoa mais indicada para contar é você. Fale o mais rápido possível, para não criar um clima de omissão. Além disso, evite omitir a palavra câncer ou tratar o câncer de mama como um tabu. Isso somente criará medo em torno da doença
· Você não precisa contar detalhes da doença, mas esteja preparada para questionamentos
· Explique os efeitos colaterais da doença do tratamento, que é normal você ficar mais triste em alguns momentos, que é normal a queda de cabelos e outros efeitos. Isso evite choques.
· Seus filhos poderão apresentar mudanças de comportamento e desempenho na escola. É importante que o educador saiba lidar com isso e tenha liberdade de comentar com você se algo diferente ocorrer.
· Se sentir a necessidade, busque apoio de um psicólogo familiar.
Conversando com seu marido ou companheiro
O seu companheiro ou companheira é a pessoa que, assim como os filhos, estará mais próxima de você nesse momento. Conversem francamente sobre as demandas que surgirão e peça ajuda para enfrentar a doença.
Reconstrução de mama
Passível de ser realizada em quase todas as pacientes porém há dificuldade de acesso nas pacientes do SUS principalmente por fatores econômicos. Para quem não tem acesso, é recomendado o uso de prótese externa afim de equilibrar um pouco do peso sobre a coluna e principalmente para alívio estético e maior liberdade para vestimenta da paciente.
Prevenção
Prevenção
A prevenção do câncer de mama pode ser dividida em primária e secundária: a primeira envolve a adoção de hábitos saudáveis, e a segunda diz respeito a realização de exames de rastreamento, a fim de fazer o diagnóstico precoce:
Exercícios
Um estudo publicado no Journal of the National Cancer Institute apontou que adolescentes praticantes de exercícios físicos intensos diminuem as chances de sofrer de câncer de mama na fase adulta em até 23%. Nessa análise, a prática de atividade física deveria começar por volta dos 12 anos e durar por pelo menos dez anos para que a proteção contra a doença seja notada. Os exercícios são capazes de reduzir os níveis de estrógeno, hormônio relacionado ao risco de câncer. A prática de exercícios também diminui o estresse e ajuda no controle do peso, fatores que também influenciam no desenvolvimento do tumor. É importante na prevenção do câncer e na prevenção da recidiva.
Amamentação
Mulheres que amamentam os seus filhos por, pelo menos, seis meses, têm 5% menos chances de desenvolver a doença. Quando a mulher amamenta, ela estimula as glândulas mamárias e diminui a quantidade de hormônios, como o estrógeno, da sua corrente sanguínea.
Dieta balanceada
Manter uma dieta adequada ajuda no controle do peso, na prevenção de doenças crônicas e melhora a saúde como um todo. Além disso, um corpo saudável trabalha melhor, prevenindo o surgimento de tumores. Mulheres que consomem vegetais com frequência têm até 45% menos chances de desenvolver câncer de mama, de acordo com um estudo realizado pela Boston University. Alimentos como brócolis, mostarda, couve e hortaliças verdes são ricos em glucosinolatos, que são aminoácidos com um papel importante na prevenção e tratamento.
Estresse
Mulheres que vivem uma rotina muito agitada e estressante têm quase o dobro de chances de desenvolver câncer de mama, quando relacionada a outros fatores de risco. Técnicas de respiração, meditação e relaxamento, praticadas em Tai Chi e ioga, ajudam a controlar o estresse e a ansiedade.
Álcool
O consumo de apenas 14 gramas de álcool por dia pode aumentar as chances de câncer de mama em 30%. O mecanismo de ação pelo qual o consumo de álcool aumenta esse risco ainda permanece desconhecido, mas sabemos que ele influencia as vias de sinalização do estrógeno.
Controle do peso
Ao atingir a menopausa, mulheres com sobrepeso ou obesidade correm mais risco de desenvolver o tumor. E mais: o excesso de peso ainda aumenta as chances do câncer ser mais agressivo.
Faça a mamografia
A maioria das mulheres devem começar a fazer mamografias anualmente após os 50 anos, mas, para quem tem histórico familiar de câncer de mama, o exame deve começar 10 antes do caso mais precoce na família. Assim se um parente próximo teve esse tipo de câncer aos 40, é preciso começar a fazer mamografias anualmente a partir dos 30 anos. Fazer a mamografia anualmente em idade adequada pode reduzir a morte por câncer de mama em até 30%, segundo um estudo publicado na revista Radiology.
Mais sobre Câncer de mama
Seus direitos
· Reabilitação profissional: o serviço da Previdência Social visa readaptar ou reeducar o profissional para o retorno ao trabalho, com o fornecimento de materiais necessários à reabilitação (tais como taxas de inscrição em serviços profissionalizantes e auxílios para transporte e alimentação). Todos os segurados da Previdência têm direito à reabilitação.
· Auxílio-doença: você terá direito ao benefício mensal desde que fique por mais de 15 dias com incapacidade para o trabalho atestada por perícia médica da Previdência Social e que tenha contribuído com o INSS por no mínimo 12 meses (embora haja exceções). Compareça pessoalmente ou por intermédio de procurador a uma agência da Previdência Social, preencha o requerimento, apresente a documentação exigida e agende a perícia. O auxílio-doença deixará de ser pago quando você recuperar a capacidade para o trabalho, ou caso o direito se reverta em aposentadoria por invalidez.
· Aposentadoria por invalidez: você terá direito ao benefício se for segurada da Previdência Social e a perícia constatar que está incapacitada permanentemente par ao trabalho. Via de regra, é preciso ter contribuído com o INSS por, no mínimo, 12 meses para obter o benefício. Compareça pessoalmente ou por procurador a uma agência da Previdência Social, preencha o requerimento, apresente a documentação exigida e agende a perícia. Você ainda pode requerer o auxílio-doença pela internet, no site da Previdência Social ou pelo telefone gratuito 135.
· Isenção de imposto de renda: você tem direito à isenção do imposto de renda sobre os valores recebido a título de aposentadoria, pensão ou reforma, inclusive as complementações recebidas de entidades privadas e pensões alimentícias, mesmo que a doença tenha sido adquirida após a concessão da aposentadoria, pensão ou reforma. Procure o órgão responsável pelo pagamento da aposentadoria, pensão ou reforma e solicite a isenção do imposto de renda que incide sobre esses rendimentos.
· IPTU: não existe uma legislação nacional que garanta a isenção do IPTU para pessoas com determinadas patologias, como o câncer de mama, mas, como se trata de um imposto municipal, algumas cidades já garantes a isenção. Informe-se na Secretaria de Finanças do seu município.
· Cirurgia de reconstrução mamária: você tem direito a realizar a cirurgia reparadora gratuitamente, tanto pelo SUS como pelo plano de saúde. Se estiver em tratamento no SUS, exija o agendamento da cirurgia no próprio local e, se não estiver, dirija-se a uma Unidade Básica de Saúde e solicite seu encaminhamento para uma unidade especializada em reconstrução mamária. Pelo Plano de Saúde, consulte um cirurgião credenciado.
Compartilhando a experiência
A solidão pode ser um sentimento que assola a paciente com câncer de mama. Mas lembre-se que você não está sozinha. Peça ajuda, compartilhe sua experiência, procure centros e locais que façam terapia em grupo. Dissemine seu conhecimento e sua luta contra o câncer de mama e ajude a quebrar o estigma que existe em torno da doença. Incentive as mulheres a fazer a mamografia, converse com suas amigas e colegas sobre a importância do exame. Relate sua experiência para entidades de apoio ao paciente ou crie um blog para dividir suas questões com os leitores.
Perguntas frequentes
Qual a porcentagem de cânceres de mama que acontecem por conta da mutação genética?
A população geral tem cerca de 10 a 12% de riscos de desenvolver a doença. De acordo com a Sociedade Brasileira de Mastologia, a presença da mutação entre os casos de câncer de mama gira em torno de 5 a 10%, sendo que 5% de todos os cânceres de mama são de mulheres com a mutação genética BRCA. Por isso, a maneira mais segura de tratar e prevenir é visitar o seu mastologista, quando indicado, e seguir suas orientações.
Uma pessoa que tem risco comprovado para câncer de mama pode fazer uma mastectomia preventiva?
Uma mulher com alto risco pode, sim, optar por fazer a mastectomia preventiva. A mastectomia preventiva mamária consiste na retirada da região interna da mama - ou seja, da glândula mamária juntamente com os ductos mamários - que são os locais onde pode acontecer a formação de um tumor. Com a retirada do interior da mama, os riscos de câncer reduzem em até 90%. As chances do câncer ainda existem porque 10% do tecido mamário é preservado para a nutrir a pele, auréola e mamilo. Na cirurgia sempre serão removidas as duas mamas, daí a denominação de dupla mastectomia preventiva.
Existem também tratamentos que usam os chamados anti-hormônios ou moduladores hormonais, que inibem a produção de estrógeno e impedem as células da mama de se multiplicarem. Esse tratamento, no entanto, é recomendado apenas para cânceres de mama hormonais - ou seja, que acontecem ou podem acontecer em decorrência de alterações hormonais - não sendo indicado para pessoas que tem o risco genético, por exemplo.
Para pacientes com risco genético, uma alternativa é redobrar a atenção e acompanhamento da mamas, partindo para exames de rastreamento, como ultrassom de mamas e mamografias, em intervalos de tempos mais curtos, a cada seis meses, por exemplo, dependendo do que o seu médico considerar mais seguro. O objetivo nesse caso é identificar o câncer numa fase muito precoce e iniciar o tratamento adequado a partir desse diagnóstico.
submitted by ricardoorganizacao to u/ricardoorganizacao [link] [comments]

Desisti de Price Action e vou operar Probabilidade? - YouTube #1 AULÃO DE OPÇÕES BINARIAS (A Probabilidade) PROFESSOR BINARIO IQ OPTION: COMO LUCRAR COM PROBABILIDADE EM OPÇÕES ... Trades com alta probabilidade de acerto  Opere usando a Armadilha de Topo e Armadilha de Fundo Aula de opção #32 - Seagull de alta #2

Corretor de opções binárias Olinda Sunday, 22 April 2018. Alta probabilidade de estratégias de negociação de entrada para sair táticas pdf Estratégias de Negociação de Alta Probabilidade: Entrada para Sair de Táticas para Forex, Futuros e Bolsas de Valores. Direitos autorais & copy; 2009 por Robert Miner. Todos os direitos reservados. Download curso opções binárias drive mega. Opções binárias ir; Ghế hội trường trung cấp; Ghế hội trường giá rẻ; Binoôm; Dicas psicologicas para um day trader de opções binárias. Bàn hội trường trung cấp; Opções binárias iq pdf; St vincent and the grenadines binary options license; Bàn hội trường ... Estratégias de negociação de opções de alta probabilidade Um Estudo de Caso de Opções que Compara 90% de Probabilidade Contra o Índice de Probabilidade de 70% Iron Condor e Credit Spreads Options. Existem muitos condutores de ferro de índice e amp; Boletins informativos de opções de propagação de crédito no mercado hoje. Alta probabilidade de negociação. Por Marcel Link. Um denominador comum entre a maioria de comerciantes novos é que, dentro de seis meses de lançar sua busca nova, estão fora do dinheiro e fora de negociar. High-Probability Trading suaviza o impacto da "taxa de matrícula do comerciante", detalhando um programa abrangente para resistir a ... Opções de alta probabilidade Nota do Editor: no início deste mês, o analista de opções Andy Crowder hospedou um bate-papo ao vivo para discutir e crie suas próprias probabilidades: a estratégia de alta probabilidade para rendimentos consistentes e fáceis e # 8221; A resposta foi esmagadora - mais de 300 de vocês sintonizaram o bate ...

[index] [2007] [4072] [4070] [3928] [4592] [690] [559] [1426] [7446] [6713]

Desisti de Price Action e vou operar Probabilidade? - YouTube

AS VAGAS PARA O MEU TREINAMENTO VÃO ATÉ O DIA 03/10 (Sexta-Feira). Se você não garantiu a sua, corra e garanta já! SEU LINK DE ACESSO: http://bit.ly/treiname... Veja nessa aula a operação Seagull de Alta. Rentabilidade, probabilidade e riscos. ... OPÇÕES A SECO 🔴 a primeira a gente nunca esquece - Duration: 23:31. Rodrigo Cohen 106,106 views. Neste vídeo mostro uma maneira de se calcular a probabilidade de acerto da operação com base na variação histórica do papel. ... OPÇÕES 🔴 Travas de alta e de baixa - Duration: 25:02 ... EXPLIQUEI CADA ANÁLISE QUE ME FEZ TRANSFORMAR 25 EM 130 REAIS (SOROS NÍVEL 3) ANOTA TUDO - IQ OPTION - Duration: 18:54. Tiago Goetten O.B 135,707 views As zonas ZAP - Zonas de Alta Probabilidade são os principais pontos gráficos para se realizar entradas mais lucrativas! Elas constituem: . Suporte / Resistên...

https://forex-viethnam.omsmining.pw